Home Page

A companhia

O director : 

José Caldas 

Contactos 

Espectáculos em Cartaz 

  "O Medo Azul"

"O menino azul"

Colombre "Acende a noite"
       

Matériel pour la promotion du spectacle "La peur bleue"

Esigenze Tecniche "La paura blú" Promotional material for the show "The blue fear"     Esigenze Tecniche "La paura blú" Promotional material for the show "The blue fear" Matériel pour la promotion du spectacle "La peur bleue" Esigenze Tecniche "La paura blú" Promotional material for the show "The blue fear"

 José Caldas   

 

 Encenador, professor e dramaturgo 

José Caldas 

10 de Maio de 1945

 

 

            

 

 
   

 

Currículo Vitae

 

Vida Académica

No Brasil - Fundação Brasileira de Teatro e Conservatório Nacional de Teatro - Rio de Janeiro.
De 1972 a 1974 - Em Londres - Escola Cit - Lit - Curso de mímica e movimento.
Em Paris - Aluno livre na Escola de Belas Artes
De 1974 a 1978 - Em Portugal - Cursa a Escola Piloto de Educação pela Arte - Lisboa

Vida Profissional

 De 1968 a 1972- No Brasil 

Actor nas peças: "Senhora na Boca do Lixo" de Jorge Andrade, Rio de Janeiro; "Ralé" de Máximo Gorki, Rio; "O pequeno Príncipe" de Exupery, Rio; "Longe daqui, aqui mesmo" de António Bívar, direcção de António Abujamra, Rio.
"De Bocage a Nelson Rodrigues" e "O versátil Mr. Sloane" de Joe Orton, Digressão por todo o Brasil; "O Balcão" de Jean Genet, Direcção de Victor Garcia ; "A Celestina" de Rojas, direcção de Zienbinsk e "Álbum de Família" de Nelson Rodrigues, São Paulo.

Assistente de Encenação em "A Celestina" e "Álbum de Família".

De 1974 a 1987 - Em Portugal

Encena a peça: "A noite dos Assassinos" de José Triana, Os Cómicos - Lisboa. Funda a Cooperativa Oficina de Teatro e Comunicação e encena , produz e actua nas peças: "A navalha na carne" de Plínio Marcos; " A grade"; "A boda dos pequeno-burgueses" de Brecht.
Dramaturgia e encenação das peças: "Ou isto ou aquilo" a partir da poesia de Cecília Meireles, Oficina de Teatro e Comunicação; "Tatipirun, a terra dos meninos pelados" a partir de Graciliano Ramos para o TAS - Teatro Animação de Setúbal; "A vida íntima de Laura" a partir do texto de Clarice Lispector, para o Teatro Hoje; "Corda Bamba" a partir do texto de Lígia Bojunga Nunes, para o Cendrev - Évora; "Chorar para rir" deMarcel Sabourin para o TEC - Cascais; "O gato malhado e a andorinha Sinhá" de Jorge Amado, para o TAI - Porto. "Bodas de Ouro" a partir de Brecht - TUP - Teatro Universitário do Porto; "Chão de Estrelas" com João Loyo - Realejo - Porto.
Funda a Cooperativa Sete Ofícios e cria os espectáculos:
"A mulher que matou os peixes" a partir da obra de Clarice Lispector e "Acende a noite" a partir da obra de Ray Bradbury.
Actor na peça : "Caras ou Coroas" - O Bando.

De 1987 a 1991 - Em Itália

Encenador e Dramaturgo dos espectáculos: "Accendi la Notte" de Ray Bradbury e "I venditori di Miracoli" a partir de Gabriel Garcia Marquez - Assemblea Teatro - Turim.
"L'intimo disordine" a partir da obra de Clarice Lispector - Gupo de professores - "L'autre l' animazione" e "La terza sponda" a partir da obra de João Guimarães Rosa - CTB - Centro Teatrale Bresciano - Brescia.

Em 1991 - No Brasil

Cria O Projecto "Qual e a nossa" sobre e com os meninos de rua de São Luís - Maranhão e cria o espectáculo sobre prostituição de menores " A cândida Erêndira e a sua avó desalmada" a partir da novela de Gabriel Garcia Marques.

De 1992 a 2007 em Portugal

Cria os seguintes espectáculos: " O senhor das asas grandes" a partir de Gabriel Garcia Marquez - Grupo Pau e Tela;

Em 1993 cria em França "La vie intime de Laura" a partir de Clarice Lispector para a Bienal de Teatro de Lyon.

Em Portugal: " O vendedor de milagres" a partir de Garcia Marquez - Seiva Trupe; "Tristerra" a partir da obra de Miguel Torga, Teatro Bruto; "A menor mulher do mundo" a partir do conto de Clarice Lispector - Teatro Art' Imagem; "Auto do Boi" a partir de vários textos - Teatro Bruto; " A menina de lá" a partir de João Guimarães Rosa - Teatro Nacional de São João - Porto; " A memória de Giz" a partir da novela de Agostina Bessa Luís - Teatro Art'Imagem; "A serpente" de Nelson Rodrigues - Escola da Noite - Coimbra; "O embondeiro que sonhava pássaros" a partir de Mia Couto e "Pedrinhas de luar" a partir dos Irmãos Grimm - Teatrão - Coimbra.

Funda a Associação Cultural Quinta Parede e cria os espectáculos: "O Rouxinol" a partir do conto de Andersen; "Adamubies - Música cénica" a partir de vários autores; "Cordel - histórias de uma escrita falante" a partir do Cordel Português e Brasileiro; "Nojo" de Robert Schneider, Teatro Da Cornucópia; "Ou isto ou Aquilo" a partir de Cecília Meireles, para Coimbra Capital da Cultura - 2003.
Em Espanha - 2004
"As laranxas mas laranxas de todas as laranxas" a partir do texto de Carlos Casares. Adaptação dramática e Encenação.Centro Dramático Galego.
Em 2005 o Teatro Experimental de Cascais comemora "Os 30 anos de Teatro e Jovem Público" no Teatro Mirita Casimiro, com uma exposição sobre a obra teatral dedicada à Infância e Juventude em Portugal, e a reposição de "O Rouxinol".
Em 2006 cria o espectáculo "O medo Azul" a partir da obra de Perrault e o Recital de Poesia e Música para Crianças - "O menino Azul".
Encena em Lousada, com o Grupo Jangada Teatro, "Quem Come a Minha Casinha" a partir da obra dos irmãos Grimm-2006. Cria na Fundação Calouste Gulbenkian os espectáculos "No mundo do jazz" e "Ligações Amorosas "Serviço de Música - 2007.

Animação Cultural

Trabalho Interdisciplinar com as expressões artísticas - Instituto Adolfo Coelho - Lisboa.
"Os Palhaços" - Animação Nas Escolas de Miranda do Douro - Promovido pelo Museu de Mirando do Douro.
Vários Seminários com professores sobre Dinâmica Educativa através das Artes - Promovido pela Direcção Geral do Ensino Básico - Lisboa.
Curso de Expressão Dramática para Professores - Museu do Traje - Promovido pela Secretaria de Estado da Cultura - Lisboa.
Projecto Artístico e de Animação Inauguração do Centro de Arte Infantil - Fundação Gulbenkian.
Projecto de animação interdisciplinar "Dia dos Museus" - Museu do Traje - Lisboa.
"A criança e o cinema", Centro de Arte Moderna - Fundação Gulbenkian.
" Dia dos Museus" Casa Tait - Porto.
Vários Cursos de Expressão Dramática para Professores - Promoção da Câmara Municipal do Porto.
Participa nos Encontros sobre Teatro/Escola "Il piacere dell'Arte" Ministero della Pubblica Istruzione - Torino e "WWW. TeatroScuola.it" Ministero dell'Instruzione - Milão - Itália.
Organiza com a Quinta Parede e Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação o
"1º Encontro Europeu de Teatro/Escola" - Porto

Televisão

Colabora nos programas - "Concordo ou talvez não" RTP - Lisboa e "Os amigos do Gaspar" RTP - Porto.
A RTP Lisboa grava as suas peças: "Ou isto ou aquilo"; "Corda Bamba", "A vida íntima de Laura"e "Chorar para rir".

Crítica de Teatro

Faz crítica de teatro nos seguintes Jornais Portugueses: " O Jornal" - Lisboa e no "Jornal de Notícias" - Porto.

Prémios

Melhor espectáculo de 1979 - "Ou isto ou aquilo"; Melhor espectáculo de 1981 - "A vida íntima de Laura"; Melhor espectáculo de 1984 "Chorar para rir", Prémio de Carreira - "Dez anos do 25 de Abril" - 1985 - prémios da Associação Portuguesa de Críticos Teatrais.
Prémio de Melhor Interpretação - "La vie intime de Laura" - Bienal de Teatro de Lyon
- França.
Prémio "Maria Casares" da Associação Galega de Artistas e Técnicos de Teatro para o espectáculo, "As laranxas mais laranxas de todas as laranxas" - 2004.

Participações Internacionais

Delegado Português no Executivo da ASSITEJ - Association International du Théâtre pour l' Enfance et la Jeunesse.
Participa várias vezes da Bienal de Teatro de Lyon com os espectáculos "Chorar para rir" e "O rouxinol", ou ainda nas mesas de debate do Festival.
Participa com o espectáculo " A serpente" de Nelson Rodrigues do Festival "Navegar é preciso" - Brasil.
Viaja com "Acende a noite" ao Festival Ray Bradbury - Bergamo - Itália.
Participa do Festival de Teatro Português em Paris com o espectáculo "O rouxinol".
Participa do grupo de reflexão sobre Teatro na Escola - "L'autre Antigone" - Bélgica.
Participa no XXVIII Festival Internacional de Teatro de Oriente. Venezuela, e no Festival Les Gongs de Capar - Togo, com o espectáculo "Nojo".
Participa do Festival Internacional "IV Intercâmbio de Linguagens para Crianças" - Rio de Janeiro - Brasil - 2006, com o espectáculo "O medo Azul".
Participa da XVI edição da Biennale Thèâtre Jeunes Publics / Lyon - 2007, com o espectáculo "La peur bleue"; participa também dos Rencontres professionnelles internationales.

Vida Docente

Professor na Academia Contemporânea do Espectáculo; Ballet Teatro e Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo - Porto.
Professor na Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação/Porto e na Universidade de Évora.

Publicações

                            

"Théâtre pour l'Enfance et la Jeunesse au Portugal" - Publicação ASSITEJ - França.
"O Instante Plural" - Livros Horizonte - Lisboa
"20 Anos de Teatro e Miscigenação" - Afrontamento/Quinta Parede/Fundação Gulbenkian.
"Teatro na Escola - A Nostalgia do Inefável" - Afrontamento/Quinta Parede/ IPAE
"As laranxas mas laranxas de todas las laranxas" - Centro Dramático Galego - Xunta da Galicia.
Colabora no Livro, "Voyage Theatral avec des jeunes." (Enjeux politiques et éducatifs en Europe) - Ouvrage Collectif coordonné par Paul Biot - L'autre Antigone - Bélgica.
"30 Anos de Teatro e Jovem Público" - Quinta Parede/Fundação Gulbenkian.
Colabora no livro: "Théâtre-Action" - Editions du Cerisier - Bélgica - 2006.
Organiza e colabora na livro: "Teatro e Educação -Transgressões Disciplinares" - Edição CIIE - Edições Afrontamento - 2007.